Dados de Geração dos Resíduos Infectantes

A UFSC é responsável pela gestão e gerenciamento dos resíduos infectantes produzidos em suas unidades, conforme Lei nº 12.305/2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos, seguindo a regulamentação técnica para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde da RDC 222/2018 da Anvisa.

A seguir, apresentam-se os dados de geração dos resíduos infectantes dos Campi Florianópolis e Curitibanos: